SP: Delegado é morto à facadas

O corpo de delegado Paulo Della Rosa Júnior, de 55 anos, encontrado em São Vicente, no litoral de São Paulo, após permanecer quatro dias desaparecido, estava com várias perfurações de faca na barriga, informou a Polícia Civil nesta sexta-feira (11). As circunstâncias da morte dele são investigadas e nenhuma hipótese foi descartada.

Della Rosa foi visto pela última vez na última segunda-feira (7), quando saiu da casa onde mora, em Santos, cidade vizinha. Ele se despediu da mulher dizendo que iria jantar com um amigo em Bertioga, também na Baixada Santista. O encontro, na verdade, nunca ocorreu e as buscas começaram imediatamente.

No imóvel onde mora o casal, a esposa encontrou pelo menos três bilhetes de despedida, o que levou a polícia também a trabalhar, inicialmente, com a possibilidade de suicídio. Entretanto, as perfurações localizadas no corpo do delegado fizeram com que os investigadores não descartassem outras hipóteses de crime.


LINK PATROCINADO | CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Leia também