Michel Temer cedeu as pressões: Vai aprovar o aumento do STF

Na semana passada, O Antagonista publicou que a Associação de Magistrados Brasileiros divulgou entre juízes a notícia de que Michel Temer já havia sancionado o reajuste dos salários dos ministros do STF — com efeito cascata sobre todo o Judiciário. E que a decisão presidencial seria divulgada nesta semana.

O Planalto negou. O site pediu, então, uma nota oficial. Não veio.

O Globo publica agora que Temer disse “a interlocutores” que a aprovação presidencial do reajuste se dará nesta quarta-feira.

O Antagonista sabe que “os interlocutores” é Dias Toffoli.

Informações do Site O Antagonista