Jogo de cartas marcadas: Marina Silva está a serviço do PT

EXCLUSIVO | O complexo jogo político teve a sua máscara revelada em um pequeno gesto de Marina Silva (Rede) para Fernando Haddad (PT) durante o debate da REDE GLOBO.

Durante o debate ao atacar Jair Messias Bolsonaro (PSL) que por recomendação médica não pode comparecer ao debate, Marina Silva mentiu ao afirmar que Bolsonaro ‘amarelou’ e não compareceu ao debate, sendo aplaudida por meia dúzia de convidados e correligionários,

A reação da pequena parte do público presente foi reprendida pelo Jornalista William Bonner, mediador do Debate.

Sem perceber que as câmeras estavam apontadas para ela, Marina Silva fez um gesto com a mão indicando que continuaria a falar mal de Bolsonaro e parecendo querer receber a aprovação de Haddad. O gesto foi tão inesperado que fica claro no vídeo, que o candidato do PT fica completamente surpreso com a reação inesperada de Marina Silva, que externou o ‘acerto combinado’ entre ambos. Haddad desconcertado, olha com nervosismo para a câmera, com a certeza de que seu plano teria sido descoberto.

Marina Silva por décadas fez parte do PT e abandonou a legenda de Lula em 2009. Ao criar a REDE, uma espécie de PT 2, Marina Silva não conseguiu esconder que a nova sigla estava a serviço de seu antigo reduto de esquerda.

Veja o vídeo e tire as suas conclusões. Esta eleição esta polarizada entre Bolsonaro e os Outros (O Coronel, Marina , Poste (do Presidiário), Amoedo, Glória a Deus, O Merendeiro e Meirelles).

Léo Vilhena | REDE GNI
Comentarista Político

Recomendadas para Você

Rede GNI

Informação com seriedade

%d blogueiros gostam disto: