Furacão Irma: brasileiros na Flórida relatam falta de água e comida

Flórida, nos Estados Unidos, já se prepara para a chegada do furacão Irma no final de semana. Foram emitidas ordens de evacuação em toda a região costeira e o trânsito para chegar a outros estados americanos é grande. Os postos fazem racionamento de combustível e já é difícil encontrar gasolina para abastecer os carros.

A população também se organiza para ficar sem serviços de luz e energia. As filas para comprar garrafas d’água e alimentos são enormes, e muitas vezes decepcionantes, já que os estoques das lojas e mercados está chegando ao fim.

A brasileira Luara Pereira de Souza, de 25 anos, presenciou cenas de desespero nos supermercados de Deerfield Beach, onde mora há um ano. A cidade litorânea no sul da Flórida recebeu o alerta de evacuação e os moradores se apressaram para fazer seu abastecimento. “Não tem mais comida enlatada e nem água. Está uma loucura nesse lugar”, afirmou a jovem natural de São Paulo.

“Nos mercados há um limite de cinco fardos [espécie de engradado] de água por pessoa”, conta Luara. “Algumas pessoas pegaram dez pacotes e começou uma grande briga. Fui empurrada por um carrinho atrás de mim e não consegui pegar nada ali”. Por fim, conseguiu comprar trinta garrafas pequenas, que está economizando para durarem até a próxima semana.

O condomínio onde Luara mora ordenou a saída de todos os moradores. Sem ter para onde ir, a jovem que vive sozinha nos Estados Unidos teve de conseguir vaga em um abrigo, localizado a 30 minutos de sua casa. “Agora não sei como vou chegar lá”, lamenta. “Uma amiga me emprestou o carro, mas não encontro gasolina em nenhum posto. Tentei chamar um uber mas também não consegui, estão todos sem combustível.”

No abrigo, totalmente preparado para situações de furacão, Luara receberá duas refeições diariamente pelos próximos cinco dias. Foi instruída a levar sua própria água e um kit de higiene pessoal, já que não há como tomar banho. A jovem está registrando toda sua experiência com vídeos e fotos, para seu canal no Youtube.

Sugeridas para você

%d blogueiros gostam disto: