Real goleia Juventus e é bicampeão da Champions

Em noite inspirada, Cristiano Ronaldo quebrou uma série de recordes e comandou o bicampeonato inédito do Real Madrid, neste sábado, depois de vencer a Juventus por 4 a 1 e levantar o 12º título da Liga dos Campeões na história do clube merengue.

É a primeira vez que um clube consegue vencer duas vezes seguidas na era moderna da competição. Desde o Milan, em 1989 e 1990, que um time não vencia de maneira consecutiva. Com a conquista, Ronaldo se aproxima cada vez mais da quinta Bola de Ouro.

Continua depois da publicidade
[wp_ad_camp_5]

CR7 abriu o placar aos 19 minutos do primeiro tempo, mas o croata Mario Mandzukic empatou, aos 27, com um golaço de meia-bicicleta. No segundo tempo, o brasileiro Casemiro fez o segundo, aos 16 minutos, e Ronaldo ampliou três minutos depois. Com um homem a mais no fim da partida, depois da expulsão de Cuadrado, Asensio fechou a conta aos 45 minutos após cruzamento de Marcelo.

Ronaldo se tornou o primeiro jogador a marcar em três finais do formato moderno da Liga dos Campeões, chegou aos 12 gols na artilharia absoluta da competição e fez o 500º gol do Real Madrid na história do torneio.

Continua depois da publicidade
[wp_ad_camp_5]

Além disso, CR7 marcou o 600º gol em sua carreira. Foram dez gols decisivos desde as quartas de final até a decisão, contra rivais do calibre de Bayern de Munique e Atlético de Madri.

Por outro lado, a Velha Senhora amargou a sétima medalha de prata na história da competição e perdeu a oportunidade de levantar o tri-campeonato. Foi o segundo vice em três anos, mais uma decepção para Buffon, que com 39 anos pode não ter mais a chance de levantar o troféu que faltava em sua galeria de conquistas.

Veja a galeria de fotos:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *