Armação Ilimitada: A coerente incoerência do PT

Parece que eu não sei falar de outra coisa à não ser sobre qualquer  assunto ligado a seita petista que auto proclama-se partido político, mas as variedades de armações ilimitadas verbalizadas quase que diariamente, me deixa espantado com os estoques de aberrações que são capazes. Vou explicar do que eu estou falando:

Ontem (28) no Rio de Janeiro, teve um Showmício disfarçado de show, com a ‘ilustre’ presença de artistas petistas consagrados como Chico Buarque, Gilberto Gil, Chico César, Beth Carvalho, Jards Macalé e muitos outras viúvas lulistas…

Teve discursos inflamados de artistas como Lucélia Santos, Fábio Assunção e até do deputado federal Jean Wyllis.

E como um mantra recitado organicamente e vomitado nos microfones, todos diziam: Lula Livre, mas ele não é ainda candidato à presidência da República, informação confirmada pela ‘Barbie’ do PT, a presidente suprema da seita petista, Gleisi Hoffmann.

E por que todos diziam isso?

Pois a Lei Eleitoral proíbe a realização de showmícios antecipados e caso eles ocorram, pode impugnar a pré-candidatura e impugnar até mesmo o partido que promova tal ato, e para não ferir a Lei Eleitoral, os artistralhas vomitavam a plenos pulmões: Lula Livre, mas ele não é ainda candidato à presidência da República.

Armação Ilimitada: A coerente incoerência do PT

Mas quando quer ingressar no STJ, STF, TRF-4, no céu e no inferno com recursos para a libertação ou até para a ‘simples’ concessão de entrevistas do ficha suja, condenado e criminoso Luís Inácio (Vulgo Lula) da Silva, o PT afirma e baseia o seu pedido na seguinte informação: Lula é o pré-candidato do PT.

Eu não aguento mais essas idiossincrasias do PT que mantém um esforço sobre-humano na tentativa de fazer o povo e a sociedade brasileira de idiotas.

Será que os ‘zarus’ simpatizantes do PT não percebem a armação? Ou como os ‘zarus’ japonas-chinas eles não veem nada, não escutam nada e não falam nada?

Eu não sei você, meu querido leitor (a), mas eu não sou alijado de um mínimo de inteligencia racional e nem sofro de anencéfalia, eu paro, penso e reflito em tudo o que acontece à minha volta, e vou te dizer sinceramente: Eu não sou burro e não sou um jumento ‘zaru’ e não aguento mais assistir de camarote as armações da Barbie, do Ken e de todos os simpatizantes da seita petista.

Léo Vilhenna
Comentarista Político
Jornalista CBN

Recomendadas para Você

%d blogueiros gostam disto: