Após dois dias de buscas, empresária é encontrada viva e debilitada

Thaís Regina de Souza Valadares, 40 anos, acaba de ser encontrada no meio de um milharal na zona rural de Sidrolândia – a 71 km de Campo Grande. Muito debilitada, a empresária, que estava desaparecida desde quarta-feira (14), está sendo trazida para Campo Grande pelo Corpo de Bombeiros.

De acordo com o subcomandante da PRE (Polícia Rodoviária Estadual), tenente-coronel Elcio Almeida, depois que o carro de Thaís foi localizado, policiais rodoviários, militares e bombeiros formaram força-tarefa para realizar buscas na mesma região e horas depois de acharem o VW Gol vermelho, encontraram a mulher.

“Não sabemos das circunstâncias ainda, se ela sofreu alguma violência ou não. Estava muito debilitada e por isso, priorizamos o socorro”, explicou Almeida.

O veículo estava abandonado em uma estrada de terra da zona rural da cidade. Não havia sinais de violência no interior do carro, que foi encaminhado para a perícia.

Thaís teria estacionado o veículo no local e saído dele andando.

Suspeita – A empresária foi vista pela última vez por volta das 19h30 de quarta-feira, no estacionamento de um supermercado de Sidrolândia. Ela saiu da Capital para visitar o namorado em uma fazenda na cidade do interior.

Parentes da empresária suspeitavam que o motorista de um Fiat Uno vermelho estacionado ao lado do Gol dela, no estacionamento de um supermercado de Sidrolândia possa ter algo a ver com o desaparecimento.

Segundo a irmã e sócia de Thaís, Sílvia Adriana Souza Valadares, 44, as imagens mostram o motorista do Uno inquieto, observando a vítima o tempo inteiro enquanto ela guarda as compras em seu veículo e deixando o estacionamento assim que ela sai do lugar.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *